«

»

jun 10

Santa

Carrego em mim toda a esperança do mundo,Gotica22

trago em mim flores santas,

e cada flor que eu abrigo,

abre-se em meu ser um inimigo.

Abre-se como flor do escândalo,

cada flor sendo um parto de dor,

cada dor um quarto de amor,

cada amor um preço vil.

Cada moeda uma invasão,

cada esquina uma ilusão,

cada beijo um incesto,

cada desejo um mal querer,

cada vez que eu te beijo,

me enveneno sem perceber,

cada vez que eu te dou,

me vejo vendendo o meu amor.

Cada vez que eu me vendo,

deixo de ver para onde vou.

Deixe uma resposta