«

»

nov 25

Um certo trem

stopping-the-pain-and-suffering-dr-diva-verdun

Chorarei a minha dor e a tua também

como se fôssemos viajantes de um mesmo trem

que estaria em rumo incerto

um dia no oceano

outro no deserto.

Prantearia a minha cupidez

a tua sanha e a nossa insensatez,

mostraria em meu olhar o esgar de quem ferido de morte,

atreveu-se a viver da própria sorte,

e talvez algum dia

amanheceria

ao teu lado outra vez.

Deixe uma resposta