«

»

fev 13

Saravá

Johan Gerrits

by Johan Gerrits

Saia prá lá com teu pré conceito,
deixa o meu lado preto
iluminar a tua agonia ainda escravista,
caminho na luz dos olhos meus
ancestrais jongos e plebeus
e minha negritude
é o meu jeito de viver
a cor da minha pele
a cor do meu cerne
é a cor da absorvição 
absorvo a luz do mundo para dentro do meu coração
saravá ogunhê
a minha história é de vencer,
minha mãe África é a mãe do mundo
meu canto o absurdo
que ninguém quer entender.
 

Deixe uma resposta