«

»

ago 25

Aparto-me

297761_1746560322055_77215_n

Estreito o meu peito ao teu
dele aparto-me
reparto-me
aperto-me
entre os caminhos que não fiz
traço no chão
linhas de giz
cada risco
um risco de morte
que de tal sorte
cada risco é um descaminho
um descalabro
um caminho que reparto
um caminho que desfaço
Cada parto deste caminho
a matiz que eu tinto
cada cor um torpor
de lucidez e absinto.

Deixe uma resposta